Passeata marca o Dia Nacional da Luta Antimanicomial em Belém

dsc07727

Uma passeata relizada no último domingo (19) marcou o Dia Nacional da Luta Antimanicomial, celebrado no último sábado (18). Mais de cem pessoas participaram da manifestação, que percorreu as ruas do entorno da Praça Da República, bairro de Nazaré, em Belém. A programação começou a partir de 8h, com o Arrastão do Boi Mental, com concentração na Escadinha do Cais do Porto.

Segundo a coordenadora do Movimento Antimanicomial do Pará, Ester Souza, a passeata busca mostrar que as pessoas internadas em manicômios representam um grupo vulnerável. “O manicômio representa o que há de pior no tratamento da pessoa com transtorno mental. Essa pessoa com deficiência precisa ter contato com as outras, que ela conviva socialmente, não só no âmbito da família, mas também de toda a sociedade”, afirma.

Para a coordenadora,  é preciso colocar em pauta a responsbailidade do governo na assistência aos moradores de rua portadores de transtornos mentais. “É preciso que as pessoas de rua sejam cuidadas pelo poder público, que ainda fecham os olhos diante dessa desasistência”, critica.

De acordo com a coordenadora, esta luta começou há 26 anos, no Brasil. “Em 1987, na cidade de Bauru, em São Paulo, trabalhadores dos grandes hospitais psiquiátricos, não concordando com a forma de tratamento que era dado aos doentes, principalmente em relação à desumanização desses pacientes, escolheram a data de 18 maio, para o dia Nacional da Luta Antimanicomial”, explica Ester.

Segundo Ester, a grande vitória do movimento, iniciado em 1987, foi a Lei 10.216, sancionada em 2001, chamada de Lei da reforma psiquiátrica. “Essa lei reconhece todo o portador de transtorno mental como merecedor do convívio social e, por isso, essa pessoa só deve ser internada por um tempo tão curto, quão necessário para que seus processos mentais sejam equilibrados”, explica Ester.

Fonte: G1

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s